Estudo mapeia oportunidade de negócios na Colômbia

 

Empresas do Projeto terão acesso ao estudo. Resultados serão tema de seminário a ser realizado nos principais polos moveleiros do país

 

A equipe de inteligência comercial do Projeto Brazilian Furniture esteve na Colômbia de 1° e 8 de fevereiro para levantar informações mais detalhadas sobre o mercado moveleiro colombiano que vem atraindo o interesse dos exportadores brasileiros.


E não faltam motivos para isso. No ano passado, o volume estimado para o mercado de móveis na Colômbia foi de, aproximadamente, US$ 1,7 bilhão de dólares, o que representa um crescimento de 5% em relação a 2011. A expectativa é de que ele siga crescendo nos próximos anos a uma taxa média anual superior a 4%.


O estudo, que contou para a sua realização com o apoio da Apex-Brasil, do Centro de Negócios da Apex em Bogotá e do SECOM da Embaixada Brasileira na Colômbia, analisa dados macroeconômicos, políticos e demográficos, além de apresentar os resultados de uma pesquisa qualitativa e quantitativa do setor moveleiro local.


“Nosso objetivo foi identificar informações básicas para acesso a este mercado-alvo, incluindo potenciais oportunidades, preferências dos consumidores, concorrência, preços praticados, vantagens e desafios para a indústria moveleira nacional”, explica Adriana Katekawa, responsável pela área de Inteligência Comercial do Projeto, acrescentando que também foram pré-selecionados importadores potenciais, distribuidores e varejistas com os quais a equipe se reuniu presencialmente em Bogotá no período de levantamento das informações.


As empresas do Projeto Brazilian Furniture receberão os arquivos do estudo por e-mail e os resultados apurados também serão apresentados em um seminário a ser realizado nos principais polos moveleiros do país nas próximas semanas.