Projeto ganha nova identidade visual

 

Iniciativa integra o esforço de ampliar a presença dos móveis brasileiros nos principais mercados mundiais

 

São Paulo, 21 de janeiro de 2013 – Buscando dar uma maior visibilidade aos móveis fabricados no Brasil tanto no mercado doméstico como nos principais mercados internacionais, o Projeto Brazilian Furniture concluiu o processo de criação de sua nova identidade visual corporativa.

 

A nova marca reflete os atributos de criatividade, modernidade, inovação e adaptabilidade que caracterizam a cultura brasileira e que estão refletidos no processo de criação e de fabricação dos móveis “made in Brazil”.

 

“Partimos da premissa de que nossa marca deveria refletir os valores do Projeto, a forma de trabalho adotada e a cultura interna, bem como a busca pelo fortalecimento da indústria brasileira de móveis para que possamos ampliar a presença de nossos produtos no exterior”, analisa João Araújo Pinto Neto, gerente do Projeto Brazilian Furniture.

 

A nova identidade visual corporativa, assinada pela agência GAD, transmite o espírito inovador característico do povo brasileiro e o estilo próprio que nasce dessa forma criativa de pensar e de agir, abraçando a modernidade. A adoção de pictogramas confere modularidade à proposta, realçando o seu caráter lúdico, sempre pronto para surpreender.

 

Entre os muitos atributos dessa marca voltada à difusão do móvel brasileiro no exterior está a adaptabilidade, entendida como a capacidade de se moldar a qualquer mercado e às diferentes necessidades dos clientes, mas sempre mantendo a sua característica própria. Outro importante predicado da nova identidade visual é a sua capacidade de refletir a proposta de entrega de produtos de qualidade perceptível a um preço justo.

 

Desenvolvido em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o Projeto Brazilian Furniture, conta hoje com a adesão de 56 empresas e oferece aos seus associados uma série de benefícios, entre os quais acesso a informações de inteligência comercial e participação em eventos nacionais e internacionais. O Projeto tem como principais mercados-alvo Estados Unidos, México, Peru, Chile, Emirados Árabes Unidos, Colômbia, África do Sul, Rússia e Angola